quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Deus não dá asas à cobra...

Algumas vezes fazemos tudo certo, perfeito mas não alcançamos o que era esperado.
Apesar do capricho e dos cuidados no passo a passo para alcançar determinado objetivo, nada conseguimos.
Ai vem aquela sensação de injustiça, raiva, até ódio da vida e de todos.
De fato poucas coisas são tão ruins quanto a sensação de derrota quando sabidamente fizemos tudo certo.
Mas...
Nem sempre é possível ganhar, por vezes é bom enxergar além de nós mesmos para compreender os fatos, às vezes o que é justo é algo bem maior do que imaginávamos, às vezes na busca de uma oportunidade para nós conseguimos uma oportunidade para alguém que precisava mais, até estava mais ameaçado.
Tudo bem, nem sempre é assim, muitas vezes injustiça é injustiça e pronto. Surge de alguém que se incomoda com nosso crescimento, nosso sucesso ou por simplesmente ter motivos para “privilegiar” outras pessoas.
Além de todas essas questões óbvias que não enxergamos na cegueira da ira, tem uma mais divina: “Deus não dá asas à cobra...”
Muitas vezes uma perda aqui ensina muito sobre como agir diante de situações parecidas, muitas vezes um recuo hoje significa ter condições de aproveitar uma oportunidade maior lá na frente e, certamente, algumas derrotas impedem que nos tornemos arrogantes, convencidos, cheios de mais da própria capacidade.
Às vezes é bom levar uma chinelada hoje para moderar nosso apetite, nossa conduta, muitas vezes seguimos um caminho de vaidade sem perceber, nossos gestos estão carregados de soberba e isso afeta, sem dúvida, nosso sucesso.
Evitar isso é sempre importante, não que façamos de maneira consciente, muitas vezes é até involuntária, mas fazemos.
Vitórias são deliciosas, mas também são transformadoras, e para quem não sabe lidar elas só trazem problemas.
Acredito piamente na justiça, nem sempre ela vem no nosso tempo, nem sempre ela acontece diante de nossos olhos, nem sempre ela parece proporcional por nosso ângulo pessoal, mas não resta dúvida de que a justiça sempre se fará.
É bom pensarmos nisso tudo antes de nos sentirmos derrotados, os ganhos de uma derrota podem ser bem maiores do que a vitória intencionada, devemos esperar a recompensa, a justiça por que ela certamente vem no tempo certo, nem sempre no nosso tempo, mas já que a vida é um aprendizado, ergamos a cabeça e sigamos em frente com mais esse ensinamento por que, desde que mantenhamos a conduta correta, chegaremos até nossos objetivos.

2 comentários:

B. disse...

É, de fato... boa reflexão.

gabriel camilo disse...

nossa
por engano eu vi essa imagen da criança com um homem de patins com nariz de palhaço..
por engano eu acabei lendo esse post...

mais não foi por engano que eu refleti e concordei com tudo isso escrito.

parabéns
boa reflexão!